Empresário, de barba e cabelo branco, com celular na mão aproveitando as vantagens de investir em valor de marca.

Escrito por 09:00 Estratégias, Planejamento

Valor de marca é o diferencial para sua estratégia de marketing!

Independente do tamanho, segmento ou estágio da vida de uma empresa, o valor de marca é um ponto fundamental que precisa ser acompanhado constantemente. Se você ainda não começou a trabalhar o brand equity, é hora de avaliar como está a percepção da sua marca. Acompanhe com a gente!

Quando falamos de “valor”, a primeira coisa que pensamos é: dinheiro. Considerando isso, as marcas mais valiosas do mundo são aquelas que apresentariam grandes resultados financeiros: Apple, Microsoft, Google, por exemplo.

Mas o conceito de brand equity — ou valor de marca — vai muito além de dinheiro. Ele pode ter relação com estratégias de marketing, percepção da marca e outras tantas características que vamos descobrir juntos agora. 

O que é o valor de marca?

O valor de marca não leva em conta apenas valor no sentido de patrimônio. Brand equity tem relação com o valor que as pessoas colocam na sua empresa de maneira mais complexa e profunda.

Por exemplo: faz parte do conceito de Brand equity valores como: identidade visual, tom de voz, credibilidade, posicionamentos políticos, identitários, entre muitas outras coisas.

É uma métrica difícil de ser calculada, afinal, ela analisa percepções e outros critérios que juntos definem o valor de uma marca ou, como também é conhecido: brand equity.

O valor de marca também tem relação com a proposta de valor da empresa, com o relacionamento que ela nutre com os clientes e, principalmente, como ela trabalha o branding.

É possível medir o valor de marca?

Mulher organizando os KPI's para compreender o valor de marca da empresa.

Invista em diferentes KPI’s para compreender melhor as forças e fraquezas do valor de marca

Quando dissemos que valor de marca é uma métrica complexa, queremos dizer que não existe apenas um KPI para mensurar resultados. A percepção é adquirida ao analisar diversos fatores, incluindo sensações e memórias que a marca ou  produto despertam no consumidor. 

Mas não se assuste. Pois é, sim, possível mensurar o valor de marca. Confira alguns indicadores que podem te ajudar:

  • Equidade de marca

A equidade de marca tem relação com o valor agregado da marca ou de determinado produto. Para mensurar esse indicador é preciso definir quais pontos serão analisados: os resultados financeiros de um produto, o valor da marca quando ela lança novos produtos ou o valor de marca baseado nas percepções dos clientes: sensações, hábitos e memórias causadas pela marca nos consumidores.

  • Intenção de investigação

Essa fase funciona realmente como uma investigação. De acordo com essa intenção você escolherá um dos três pilares a seguir:

  • extensão da marca: ou seja, quando as expectativas do negócio contam com grandes impactos, como um super lançamento.
  • poder de mudança: esse poder tem relação com a atitude do cliente frente às decisões da marca: seja mudar o nome, a localização dos produtos, etc. 
  • nicho: uma comparação feita com a concorrência.
  • Expectativas e experiências do cliente

Esse é o momento em que você observa, analisa e entende como são as experiências e expectativas do cliente em relação à marca. Quais são os sentimentos, sensações, memórias e gatilhos que os seus produtos ou serviços estão gerando nos consumidores? O que eles esperam de você? O que você poderia acrescentar ao seu valor de marca?

Uma boa forma de captar esses feedbacks e entender essa experiência e expectativa é através das redes sociais e canais mais próximos e diretos, até pesquisas de satisfação são válidas nessa etapa.

  • Saber os atributos para a medição do valor de marca

Qual a efetividade dos seus esforços de publicidade e marketing para o seu público? Além da experiência do cliente, é importante analisar também o alcance das suas ações, associação de imagem e reconhecimento de marca. 

É fundamental saber o quão assertivo os seus esforços publicitários estão sendo para entender se é hora de intensificar o investimento ou ajustar a rota.

  • Lealdade à marca

A lealdade também é um atributo que ajuda a entender o seu valor de marca. Como é a relação com a sua base de clientes? Eles compraram apenas uma vez, consideraram sua marca em outras tomadas de decisão, sempre escolhem por você? Observe esses aspectos e entenda se você tem preferência frente aos seus concorrentes.

Programas de fidelização, por exemplo, são boas opções para nutrir esse relacionamento e criar laços mais duradouros e leais. Além de ajudar a encantar os clientes e torná-los verdadeiros fãs e advogados da marca.

  • Grupos focais: qualitativos e quantitativos

Essa é uma estratégia que contribui para você entender a percepção da sua marca frente a uma boa parcela de seus clientes e potenciais consumidores.

Com os grupos focais é possível elaborar detalhadamente seu planejamento de branding e entender as perspectivas e expectativas para seus próximos lançamentos.

Conheça empresas com os maiores valores de marca

Homem e mulher analisando os dados para escolher a melhor estratégia para valor de marca da empresa.

Esteja sempre disposto a aprender sobre valor de marca com as grandes marcas de sucesso.

Quando você pensa em uma marca relevante, quais são as primeiras que vêm a sua mente? 

Refletir sobre suas próprias percepções é entender como medir o valor de marca. 

Entender o que é o brand equity passa por saber como ele se encaixa na sua estratégia atual e, principalmente, para os seus próximos passos.

É fundamental compreender as percepções dos usuários e o que você pode fazer para otimizar os seus resultados. Ou seja, quer ver como funciona esse impacto de mercado? 

Observe as marcas mais valiosas do mundo e aprenda com quem está ganhando.

É possível que você imagine que a popularidade é consequência do dinheiro, mas quando nós pedimos para você pensar em uma marca relevante, quais vieram a sua cabeça? Este é seu valor real em termos de brand equity.

  • Amazon: a multinacional norte-americana foi fundada em 1994 e já figura entre as cinco maiores empresas de tecnologia do mundo. Não à toa, seu valor de mercado em 2020 foi avaliado em US$ 1 trilhão e o valor de marca em US$ 200,66 bilhões.
  • Apple: outra gigante da tecnologia, a Apple iniciou seus serviços em 1976 e ganhou ainda mais popularidade com a aceleração da transformação digital. Em 2020, a marca bateu o recorde e atingiu o valor de mercado de US$ 2,3 trilhões e um valor de marca de US$ 322,99 bilhões.
  • Google: mais jovem do que as demais, a marca foi criada em 1998 e é extremamente popular por conta dos serviços que oferece online. Em 2020, o Google alcançou um valor de mercado de US$ 323,6 bilhões e um valor de marca de US$ 165,44 bilhões.

Não dá para negar como essas marcas são valiosas, certo? Mas é importante lembrar que o valor de marca não é possível apenas para grandes empresas.

Toda a marca pode (e deve) pensar no valor agregado que gera aos seus clientes, independente do tamanho ou segmento

Criar um relacionamento com os seus clientes, investir em uma estratégia completa e detalhada de branding, ter consumidores leais e gerar boas percepções e expectativas nos usuários são pontos fundamentais não só para o negócio, mas também para movimentar o mercado e melhorar a sua reputação como marca para os demais usuários.

Invista na estratégia, trabalhe no seu valor de marca e não esqueça que sempre que precisar de soluções inteligentes para contribuir com o seu negócio, você pode contar com a All iN

(Visited 98 times, 1 visits today)

Sharing is caring!

Tags:, Última modificação: 8 de julho de 2021
Fechar