Escrito por 07:50 Entregabilidade, Estratégias, Marketing Digital

Como trabalhar com dropshipping? Veja nossas dicas!

Imagem de uma mulher sentada no chão, com as pernas cruzadas, ela tem caixas de papelão ao seu redor em tamanhos variados, ela joga para o alto duas caixas pequenas

Você já deve ter pensado algumas vezes em como otimizar o armazenamento, reduzir custos e, principalmente, como facilitar o processo para conseguir vender mais no e-commerce, não é mesmo?

Se já pensou nessas questões, mas não conseguiu chegar a uma conclusão, lhe apresentamos o dropshipping.

Neste artigo, você vai conferir dicas e saber um pouco mais sobre a “terceirização de estoque”

Boa leitura!

O que é dropshipping, afinal?

Imagem com um carrinho de compras em miniatura em cima de uma mesa, com pacotes de presente em miniaturas ao lado do carrinho
Com uma estratégia de dropshipping, a sua loja deixa de manter um estoque e repassa os pedidos dos clientes ao seu fornecedor.

Em uma tradução livre, o termo pode ser entendido como “estoque na fonte”. Em outras palavras, você realiza a venda, mas quem mantém o estoque e entrega o produto é o próprio fornecedor. 

Assim, você não precisará lidar diretamente com o armazenamento, giro de estoque e entrega dos produtos.

Como trabalhar com dropshipping?

Apesar de parecer muito simples, é preciso avaliar algumas questões antes de adotar o sistema em seu e-commerce. Se você pretende trabalhar com dropshipping, será necessário elaborar um esquema levando em consideração alguns passos importantes:

1. Fornecedores confiáveis

Esse passo será a base do negócio, afinal, você entregará parte da experiência do seu cliente na mão de um fornecedor. Por isso, é preciso que ele seja extremamente confiável em todos os âmbitos. 

Tenha um contrato detalhado, explicando como funciona o seu negócio e entenda o que vocês precisarão adequar para não impactar os seus consumidores negativamente. 

2. Teste de produtos

Se você quer vender, você precisa aprovar a qualidade dos produtos. Portanto, é importante testá-los e garantir que o fornecedor escolhido oferece, de fato, produtos com a procedência prometida aos seus clientes. 

No começo, pode ser necessário testar fornecedores diferentes. Pode parecer óbvio, mas lembre-se, o produto é uma das partes principais da experiência do cliente. 

3. Dados integrados

Mesmo que parte do seu negócio seja terceirizado, é preciso que você tenha controle sobre tudo o que acontece. 

Ao utilizar os dados integrados no dropshipping, você poderá agregar todas as funcionalidades que são de sua responsabilidade e ainda garante o controle e a organização de todas as partes do seu negócio. Além disso, você poderá usar os dados coletados em estratégias assertivas e inteligentes posteriormente. 

Em alguns tipos de e-commerce, pode ser necessário trabalhar com vários fornecedores diferentes. Então, é fundamental que você saiba tudo que está acontecendo para garantir o bom funcionamento do dropshipping e da sua empresa.

4. Segmentação de clientes

Em toda estratégia de marketing digital a segmentação é fundamental e para trabalhar com dropshipping não será diferente. 

Se você ainda não sabe como fazer, acesse o nosso passo a passo e entenda um pouco mais como a segmentação de clientes pode ajudar o seu negócio. 


Assim como em outros cenários de e-commerce, no dropshipping, a segmentação funcionará da mesma forma. Conheça seu público, identifique oportunidades, estruture a
jornada do cliente e foque em oferecer o melhor para o seu consumidor.

Ele, muito provavelmente, não perceberá que você trabalha com dropshipping, mas isso não é um empecilho para que você ofereça uma experiência incrível. Consequentemente, será possível trabalhar com a fidelização desse cliente.

5. Acompanhamento do processo

Sim, teoricamente a sua “parte” termina quando você repassa o pedido ao fornecedor. No entanto, se quer garantir a qualidade do processo e certificar-se da excelência que está entregando ao seu cliente, é fundamental que você acompanhe o processo de perto. 

Para isso, faça pesquisas de opinião, colete feedbacks dos seus clientes e mantenha seu processo em constante atualização, procurando aperfeiçoá-lo a cada dia.

6. Trabalhe com dados estruturados

Prepare o seu site para receber todas as informações necessárias e organize-as com os dados estruturados. A técnica vai facilitar a visualização dos seus dados, contribuir para que você seja facilmente encontrado nos motores de busca, ajudando no ranqueamento da sua página. 

Esses foram apenas alguns dos passos importantes para trabalhar com dropshipping. É importante que você faça faça testes, experimente e entenda as necessidades do seu negócio e, principalmente, do seu cliente.

As vantagens e desvantagens do dropshipping

Imagem de uma mulher sentada à mesa com um computador em sua frente e caixas de papelão do seu lado esquerdo. Ela segura uma das caixas retangulares, com uma letra A na lateral e sorri, enquanto segura um celular com a outra mão
É preciso estudar, avaliar, conhecer, estudar e fazer quantos testes forem necessários para avaliar se o dropshipping vale a pena para o seu negócio.

Agora que você já entendeu o que é dropshipping, precisa saber que, como todas as estratégias, vai se deparar com vantagens e desvantagens. 

Lembrando que esses são pontos gerais e que devem ser analisados de acordo com a realidade de cada empresa. Ainda assim, é importante que você conheça todos os pontos, antes de adotar essa (ou qualquer outra) estratégia.

As principais vantagens do dropshipping

Até aqui você já deve ter percebido algumas facilidades em trabalhar com dropshipping. Para facilitar o entendimento, resumimos as principais vantagens dessa estratégia: 

 

  • Espaço físico: você não precisa ter um espaço reservado para armazenar os seus produtos, isso porque todo o estoque será responsabilidade dos seus fornecedores;
  • Custo: sem ter que comprar e repor estoque, você acaba economizando e diminuindo seus gastos. Para quem está começando um novo negócio, é uma ótima ideia e um bom exemplo de como reduzir custos;
  • Diversidade: você pode contar com diversos fornecedores que oferecem vários produtos diferentes para o seu tipo de negócio. Assim, consegue aumentar sua carta de produtos, sem se preocupar em quanto vai gastar com isso;
  • Mobilização de capital: você não precisará reservar determinado valor para comprar produtos com antecedência, mesmo sem saber quando ou se conseguirá vendê-los. Trabalhando com dropshipping, a compra é feita na hora e o que o seu cliente escolher, será responsabilidade do fornecedor ter em mãos;
  • Tempo: Levando em consideração que parte do seu processo de vendas está na mão do fornecedor, você tem mais tempo para focar em outros assuntos importantes, como a experiência do seu cliente e a análise dos seus resultados.

O que achou dessas vantagens? Faz sentido para o seu negócio? Para seguir em frente com essa decisão, é importante identificar as necessidades da sua empresa.

As principais desvantagens do dropshipping

Como mostramos as vantagens, também é importante explicitar as desvantagens dropshipping. Lembre-se que cada negócio é único, com necessidades e realidades diferentes, por isso, é preciso analisar o cenário individual para entender o que funciona melhor para cada um.

Quer entender melhor como funciona e o que deve estar no seu radar para que não haja erros caso você decida trabalhar com dropshipping? Para facilitar a sua escolha, listamos também as principais desvantagens:

  1. Autonomia: levando em conta que parte do seu processo de venda está com um fornecedor, você perde um pouco da autonomia no negócio. Afinal, mesmo que você venda, quem trabalha com o armazenamento e entrega dos é um terceiro;
  2. Suporte: você vendeu e deu todo o suporte necessário ao seu cliente, mas quando chegar no pós-venda, você dependerá do retorno do fornecedor. Fatores como o prazo, o rastreamento da entrega, a qualidade do produto e muitos outros devem ser levados em consideração;
     
  3. Lentidão: normalmente, os fornecedores aceitam pedidos em grande quantidade. Por isso, se o seu cliente adquiriu somente uma unidade de determinado produto, pode ser que essa entrega demore um pouco mais que o normal para acontecer;
  4. Preços: algumas vezes, os produtos são importados então ocorrerá uma variação constante de preços. Pesquise minuciosamente essa variação, analise o cenário do seu negócio e busque alternativas para não impactar negativamente o seu cliente;
  5. Controle de qualidade: se você não armazena e entrega o produto ao seu cliente, não sabe o que ele está recebendo. Por isso, é fundamental estar sempre em contato com o fornecedor e manter um controle de qualidade rigoroso quanto aos produtos que são entregues ao seus clientes. 

Lembrando que um produto de má qualidade pode acabar com o seu relacionamento com o consumidor, além de prejudicar a credibilidade e a imagem da sua empresa. Claro, haverão muitos pontos para se preocupar, mas priorize sempre manter o controle de qualidade dos produtos que você vende.

Ao trabalhar com dropshipping, é preciso levar em consideração o prazo, o rastreamento da entrega, a qualidade do produto e diversos outros fatores.
Ao trabalhar com dropshipping, é preciso levar em consideração o prazo, o rastreamento da entrega, a qualidade do produto e diversos outros fatores.

Pensando em tudo isso, ressaltamos como é importante ter um bom respaldo do seu fornecedor, para poder oferecer também, um bom pós venda. Para isso, será imprescindível que você seja muito claro com os prazos de entrega.

Para entender como o dropshipping pode atuar em sua empresa, será preciso observar suas métricas e entender o que pode ser modificado, atualizado e melhorado em seus processos para garantir as melhores experiências ao seus clientes.

Agora que você já sabe tudo sobre como trabalhar com dropshipping, lembre-se sempre que para qualquer estratégia de sucesso você precisa conhecer o seu público, saber o que os seus clientes esperam e contar com a ajuda de quem entende do assunto.

A All iN é especialista no segmento de ferramentas para coleta e análise de dados comportamentais do consumidor final e estará sempre disponível para te ajudar com estratégias assertivas e soluções inteligentes!

Quer saber mais? 

Entre em contato conosco! 

Sharing is caring!

(Visited 16 times, 1 visits today)
Última modificação: 16 de dezembro de 2020
Fechar
shares