4 dicas para alavancar seu ROI no e-mail marketing - All iN

4 dicas para alavancar seu ROI no e-mail marketing

De acordo com Sujan Patel, co-fundador da Narrow.io e ContentMarketer.io e colunista da Forbes, “nos últimos anos, empresários, comerciantes e especialistas tem discutido sobre o ROI de diferentes estratégias de marketing, principalmente no mundo digital. Enquanto alguns acham que e-mail marketing está gradualmente se tornando redundante e sendo substituído pelas mídias sociais, os otimistas acreditam que e-mail marketing veio para ficar e crescer ainda mais”, ainda de acordo com o empresário, os otimistas estão certos.

O e-mail marketing é um dos principais canais para profissionais de marketing, segundo relatório da Ascend2, 82% das companhias, seja B2C ou B2B, utilizam esse tipo de tecnologia. Um outro documento compilado pela Econsultancy indica que o e-mail marketing ultrapassou até a busca orgânica quando falamos em ROI (return on investment) e mostra que as empresas têm atribuído mais de 50% das vendas devido o e-mail marketing.

Como especialista no setor, Sujan aconselha “se você está buscando pelas melhores ferramentas de marketing digital disponíveis no mercado, você não pode ficar sem o e-mail marketing, nem mesmo pense em excluir essa estratégia do seu plano de marketing”.

Mas, o que fazer para otimizar as campanhas de e-mail marketing e maximizar o ROI? Sujan comentou sobre algumas das estratégias que empresas líderes têm trabalhado para alcançar resultados surpreendentes em seu artigo What You Need To Know To Get More ROI From Email Marketing (O que você precisa saber para ter mais ROI no E-mail Marketing) para Forbes:

Não personalize apenas, faça isso com sabedoria 

Não é mentira que 74% dos profissionais de marketing acreditam no poder dos e-mails personalizados, os quais aumentam a conversão em até 10% e as taxas de cliques em até 14% se comparados a e-mails regulares.

Pensando nisso, personalização é definitivamente o caminho certo. Mas, quão personalizado deve ser o seu e-mail? Usar nome e sobrenome do cliente é suficiente? Infelizmente, não. Para melhores resultados, tente engajar seus leads sendo o mais personalizável possível.

Comece por organizar os dados do seu CRM para determinar respectivos interesses e necessidades dos seus clientes potenciais. Melhore a sua segmentação baseada no cargo, localização, segmento e país ajustando o seu banco de dados para coletar informações cada vez mais específicas.

Alie esses dados com testes A/B para entender melhor as preferências e gostos dos seus clientes potenciais. A partir de então, envie finalmente e-mail não só com o nome personalizado, mas também informações adicionais como últimos artigos ou produtos vistos. Quanto mais específico você for, maior será o seu ROI.

Aqui, é importante complementar a dica de Patel e lembrar que acompanhar o comportamento do consumidor e utiliza-lo como informação para ajudar na personalização das suas comunicação, podem aumentar o seu ROI em até 40%, de acordo com nossos relatórios internos.

Seja constante e ofereça produtos complementares 

Imagine uma empresa que te envia uma oferta por e-mail deum cinto masculino em uma semana, um sapato feminino na semana seguinte e depois um chapéu. Claro que os e-mails são todos relacionados ao mesmo segmento, moda, mas ainda falta consistência, além de não complementar os produtos de forma lógica.

A estratégia seria melhor se ofertasse um cinto masculino no primeiro e-mail, mencionasse o mesmo cinto na segunda comunicação como um excelente complemento para um par de sapatos que combinam e por fim, um e-mail com o look completo do cinto, sapato e um chapéu. As chances de comprar os três itens são muito maiores.

Consistência também quer dizer manter um padrão nas suas comunicações seja por e-mail, redes sociais ou site. Já que as chances do seu conteúdo ser compartilhado pelos clientes da sua base é 3x maior, lembre-se de incluir botões de compartilhamento em seus HTMLs. Vale a pena também considerar o envio de eBooks e whitepapers complementares.

Acrescentando à dica do Sujan, quando você utiliza o comportamento do consumidor para determinar a oferta que será enviada ou qual o público que receberá a sua comunicação, a assertividade e conversão são muito maiores.

Use e abuse da tecnologia

 Esse formato de mídia começou, basicamente, com um envio genérico para vários destinatários em cópia. Com a evolução rápida da tecnologia, profissionais da área começaram a ter várias ideias para melhorar o engajamento da sua base. Apesar desse ser um passo importante na direção certa, ainda não é o suficiente, você precisa ir além.

Com recente popularidade dos GIFs, por exemplo, você pode aproveitar ferramentas como o GIF Brewery, que permite que você crie e embede esse tipo de arquivo em seus e-mails. Você também pode utilizar o Movable Ink para transmitir conteúdo de um API, RSS feed ou Website, utilizando a geolocalidade do seu lead.

Além das tecnologias apontadas pelo especialista, acho importante ressaltar a importância de escolher uma plataforma de envio inteligente que além de oferecer a segmentação por perfil, permite que você automatize campanhas baseadas no comportamento do consumidor e ainda oferece recursos como algoritmos de recomendação.

Entregue valor

 As pessoas já são capazes de julgar quão relevante é a mensagem de um e-mail, antes mesmo de abri-lo. O Assunto te dá a dica do conteúdo, e se isso atrair o cliente, é possível rapidamente analisar o e-mail e determinar se vai ou não ler ou apenas ignorá-lo. Esse é o momento que o valor do conteúdo importa.

Corporações americanas enviam mais de 1.47 MM de e-mail por mês e apenas o que entegam real valor ao consumidor, são lidos e, consequentemente, alcançam melhores ROIs.

Então, o que realmente quer dizer “valor” nesse caso?

Basicamente, valor se refere a quão útil e relevante é o conteúdo do e-mail. Fornecer valor, significa ir direto ao assunto, sem rodeios. Com isso, você criará uma conexão com seu leitor e aumentar o seu ROI.

Em paralelo, tenha certeza de que suas comunicações estejam alinhadas com os objetivos da empresa, do contrário, você estará atirando no escuro e sem alvo, consequentemente, diminuindo suas chances de sucesso.

Essas dicas são valiosas, mas Sujan Patel lembra “esse é apenas a ponta do Iceberg. Faça sua pesquisa, aprenda com os seus (e de outros) erros, e crie campanhas de e-mail com conteúdo sólido o qual as pessoas queiram realmente ler e possam se beneficiar com ele. Assim você verá seu ROI crescendo espontânea e organicamente”.

Fonte: http://www.forbes.com/sites/sujanpatel/2016/02/24/everything-you-need-to-know-to-get-more-roi-from-email-marketing/2/#3b91cd443259

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *