Escrito por 09:00 Planejamento

Conheça o que é plano de marketing e como elaborar

A transformação digital de 20 anos passou em 2, a aceleração foi tanta que para continuar existindo, as empresas precisaram se reinventar e essa mudança foi completamente guiada pelo digital: o mundo online ganhou ainda mais cena e se tornou indispensável para comerciantes e varejistas.

E nesse cenário de constantes mudanças e renovações, elaborar um plano de marketing pode ser essencial para o sucesso de suas campanhas. Mas afinal, o que seria esse plano? Assim como filmes nascem de um roteiro, por exemplo, as campanhas da sua empresa precisam ser traçadas a partir de um planejamento.

Partindo da definição dos desafios, dos pilares e do cenário atual da sua marca e do seu mercado, é possível projetar ações e metas da marca de forma mais clara e no cenário micro e macro.

Tendo noção da importância desse planejamento, vamos falar de forma um pouco mais aprofundada? Confira nosso conteúdo!

Qual a definição de plano de marketing?

O plano de marketing funciona como um guia que ajuda a nortear as ações da empresa e estabelecer caminhos, objetivos e desafios, normalmente, para o ano. Basicamente, é uma junção de análises, dados, pesquisas de mercado e, claro, o plano de marketing tático que ajudará o negócio a alcançar as metas ali descritas.

Ilustração de gráficos e tabelas representando os dados coletados para o plano de marketing

Os dados são a principal base de análise de uma boa estratégia.

Através do documento, é possível ter uma visão ampla do mercado/nicho com as pesquisas, entender o momento do negócio através dos dados e análises estatísticas, além de avaliar as estratégias de inteligência e operações que deverão ser colocadas em prática para alcançar os resultados e projeções propostas, custos, margem de lucro, etc.

O plano de marketing é tido como uma importante ferramenta de gestão e pode ser:

  • Geral da empresa, aqui podemos considerar como você trabalhará o branding da sua marca, por exemplo; 
  • Específico do setor de marketing, analisando apenas as estratégias e metas da área ou até por ocasião, como uma data sazonal como a Black Friday;
  • Ambos de forma integrada. 

E tem momento ideal para criar o seu plano de marketing? Se você ainda não trabalha com essa estrutura, fazê-la pode ajudar a consolidar informações e ampliar a visão do negócio. Como ela pode ser feita por área ou de acordo com alguma ocasião, o momento ideal é aquele que sua empresa sente a necessidade de profissionalizar (ainda mais) as estratégias de marketing e aperfeiçoar os processos, otimizando os resultados.

Quais são as 3 etapas do plano de marketing?

O uso do plano de marketing é variado, podendo mudar até por quem é usado, como falamos acima. A forma de apresentá-lo também, desde uma apresentação detalhada até gráficos e imagens podem ser explorados aqui. 

Mas independente da forma que você decidir fazê-lo, existem 3 etapas fundamentais e indispensáveis que precisam estar presentes em seu documento. Elas representam uma construção sólida da base do seu plano e não podem ser deixadas para depois, combinado? Se você ainda não sabe quais são, a gente te conta agora.

Ilustração de pessoas sentadas em uma mesa circular, observando gráficos dispostos em uma lousa atrás deles

Envolva diferentes times nas etapas do planejamento para alinhar metas e expectativas

Planejamento

Hora do start! Faça uma análise do negócio, entenda o momento atual, as possibilidades e quais são as forças e fraquezas da marca – só assim, você conseguirá entender onde e como atuar e, principalmente, concentrar seus esforços. 

Além disso, pesquisas de mercado e de público-alvo também podem contribuir nessa fase com tendências, personas e segmentações mais específicas e direcionadas. 

Esse cenário do mercado e do seu negócio, deve vir acompanhado de posicionamento de marca, metas, classificação de estratégias, desafios e objetivos – entre outros dados que você considerar importante para a fase 1 do seu plano de marketing.

Tenha em mente que a fase de planejamento é imprescindível no plano de marketing e deve ser o mais detalhada possível, isso porque ela é a base que definirá as demais fases.

Implementação

Você escreveu páginas e páginas, mas como isso funcionará na prática? O plano de marketing é muito mais do que um documento, por isso, a segunda fase prevê a implementação das estratégias que você definiu na etapa anterior. 

Conte com metodologias, como a 5W2H para responder as perguntas relativas às implementações: ‘o quê, quando, onde, por quê, por quem, como e quanto’ poderão te ajudar a entender o funcionamento na prática.

Aqui também é onde você verá se alguma estratégia precisa ser readequada para ser implementada, a viabilidade das implementações, dificuldades e facilidades desse processo também devem ser notadas, por isso, acompanhe esse processo de perto e esteja sempre pronto para aperfeiçoar e/ou ajustar o que foi definido.

Avaliação

Falando em acompanhamento, por último, mas não menos importante – aliás, presente em todo o momento -, a avaliação é o acompanhamento regular das estratégias do seu plano de marketing. 

Aliás, não só das estratégias, mas de tudo que as envolvem: dados, performance, metodologia, tudo deve ser avaliado e acompanhado, só assim você conseguirá entender se o seu plano de marketing está funcionando como deveria. 

Observe, avalie e faça mudanças de rotas, ajustes e aperfeiçoamentos sempre que necessário – o seu plano de marketing não foi escrito em pedra e pode ser otimizado ou corrigido, se houver necessidade. 

Ilustração de duas pessoas conversando, apontando para gráficos e tabelas dispostos na parede, para analisar os dados coletados pelo plano de marketing

Revisite suas estratégias e faça alterações, quando necessário

Faça um bom planejamento!

Além do planejamento do plano de marketing, outro passo super importante é ter um planejamento prévio para começar a desenhar suas estratégias. 

Para o seu documento ir para o papel e, principalmente, para sair dele, é preciso uma organização interna na empresa: cronogramas bem definidos, pessoas dispostas e especializadas e, claro, uma cultura estabelecida para que as ideias que serão colocadas em seu plano de marketing tenham vazão e não sejam apenas um documento preenchido. 

O planejamento prévio é fundamental para que o seu plano de marketing tenha embasamento, consistência e que faça sentido para o seu negócio, tanto em termos de branding, quanto de objetivos e receita. 

Trabalhe com boas soluções.

A parte teórica do seu plano de marketing está aqui, preparado para ir para a prática? Nós vamos juntos!

Como mencionamos ao longo desse conteúdo, além da organização, cultura e estabelecimento claro de metas, a melhor forma para estruturar o seu guia é com o auxílio de estratégias e ferramentas especializadas na sua necessidade, como a All in – aliás, nós podemos te ajudar no planejamento inicial também, sabia?

Data-driven, automação de marketing, estudos detalhados de público, inteligência estratégica, soluções personalizadas e muito mais você encontra por aqui! Quer ver? Então não deixe de conferir o nosso blog, esperamos por você!

Clique e entenda mais sobre essa nova estratégia de comunicação para redes sociais.

(Visited 181 times, 1 visits today)

Sharing is caring!

Última modificação: 27 de setembro de 2022
Fechar